Fortaleça seu ombro com exercícios para bursite

A bursite no ombro é uma condição dolorosa que pode limitar sua mobilidade e afetar suas atividades diárias. Felizmente, existem exercícios específicos que podem fortalecer e estabilizar o ombro, ajudando a aliviar a dor e melhorar a função.

Aqui estão alguns exercícios recomendados para fortalecer o ombro:

Lembre-se de consultar um profissional de saúde antes de iniciar qualquer programa de exercícios, especialmente se você tem bursite no ombro. Eles podem fornecer orientações específicas e adaptar os exercícios às suas necessidades individuais.

Com dedicação e consistência, você pode fortalecer seu ombro e reduzir os sintomas da bursite. Não desista e siga em frente!

Exercícios de fortalecimento para bursite no ombro

A bursite no ombro é uma condição em que ocorre inflamação das bursas, que são pequenas bolsas cheias de fluido que ajudam a reduzir o atrito entre os tendões, músculos e ossos do ombro. Essa inflamação pode causar dor intensa e limitar a amplitude de movimento do ombro.

Além da busca por tratamento médico adequado, os exercícios de fortalecimento podem desempenhar um papel importante na recuperação e prevenção da bursite no ombro. Esses exercícios visam fortalecer os músculos ao redor do ombro, melhorando a estabilidade e reduzindo a pressão nas bursas inflamadas.

Aqui estão alguns exercícios de fortalecimento que podem ser úteis para pessoas que sofrem de bursite no ombro:

1. Rotação externa com faixa elástica: Para realizar esse exercício, você precisará de uma faixa elástica. Amarre a faixa em torno de uma porta ou algum objeto fixo na altura da cintura e segure a extremidade oposta com a mão afetada. Mantenha o cotovelo dobrado a 90 graus e o braço contra o corpo. Em seguida, gire o braço externamente, afastando-o do corpo, mantendo o cotovelo fixo. Retorne à posição inicial lentamente e repita o movimento por 10 a 15 vezes.

Exercício de rotação externa com faixa elástica

2. Elevação frontal com halteres: Segure um haltere em cada mão, com as palmas das mãos voltadas para dentro. Mantenha os braços estendidos na frente do corpo e eleve os halteres até a altura dos ombros, mantendo os cotovelos levemente flexionados. Em seguida, abaixe os halteres lentamente à posição inicial. Repita o movimento por 10 a 15 vezes.

Exercício de elevação frontal com halteres

3. Remada alta com barra: Segure uma barra com as palmas das mãos voltadas para baixo e as mãos afastadas na largura dos ombros. Incline-se para a frente, mantendo as costas retas e os joelhos levemente flexionados. Em seguida, puxe a barra em direção ao peito, mantendo os cotovelos próximos ao corpo. Retorne à posição inicial lentamente e repita o movimento por 10 a 15 vezes.

Exercício de remada alta com barra

4. Abdução lateral com elástico: Amarre uma faixa elástica em torno de um objeto fixo na altura da cintura. Segure a outra extremidade da faixa com a mão afetada. Mantenha o braço estendido ao lado do corpo e, em seguida, afaste o braço para o lado até a altura dos ombros, mantendo o cotovelo levemente flexionado. Retorne à posição inicial lentamente e repita o movimento por 10 a 15 vezes.